Pages

Photos Du Jour

Posso falar??? Estou aqui simplesmente babando no editorial com a Drew Barrymore para a Harper's Bazar de outubro. Denominado Classic Couture, Drew, magnificamente linda, veste looks de Armani, Valentino, Dior, etc.




As fotos são de Mark Seliger e o stylist ficou por conta de Katty Mossman, que, vamos ser sinceros, arrasou demais. #fato

Fonte: FGR
0

Draps and Draps

Bom meu povo,
Gosto demais das formas sóbrias e retas feitas com recortes, pences, alfaiataria, etc. Mas devo confessar que minha grande paixão são os drapeados e os plissados. Sou fascinado pela leveza dos movimentos proporcionados por esse tipo de caimento e acho que eles dão um ar bem jovial e primaveril ao look.

Estou desenvolvendo alguns croquis para a cadeira de Desenho de Moda e minha inspiração principal é decorrente do uso de draps. Assim, resolvi pesquisar algumas imagens, ler um pouco sobre a evolução desse artifício e, confesso, estou mais apaixonado ainda por ele. É inegável a influencia dos clássicos gregos e romanos, e depois para os artistas do renascimento cultural, rocócó e etc., na disseminação das peças com esse estilo de roupa. Assim, me dirigi um pouco para as criações desses povos, para buscar inspiração no caimento das peça e, para a pintura, o estudo de luz e sombra em alguns quadros e afrescos.

Fiquem um pouco com algumas das belas imagens que eu estou utilizando para a construção dos croquis:

Gosto demais dessas obras greco-romanas, mas acho que as renascentistas tem um "Q" a mais. Sou apaixonado pela Alegoria da Primavera e pelo Nascimento da Vênus de Boticcelli e acho que elas tem cores e movimentos incríveis. Espero que essas possam inspirar vocês também. Abraços.

Fonte (imagens): REPRODUÇÃO
0

III Festival de Cultura da UFC

Bom, para quem ainda não sabe, dos dias 18 a 22 de outubro vai ser realizado pela Universidade Federal do Ceará o III FEstival de Cultura. Nessa edição, o evento se propõe a discutir a cultura e as influencias africanas, celebrando a diversidade cultural existente no nosso país e no nosso estado.
Além de diversas palestras, workshops e oficinas (depois postarei aqui as datas de todas essas informações), irão ter vários shows em todos os dias do festival. Até agora, 15 atrações nacionais e internacionais estão confirmadas. E, pasmem, só tem coisa super boa.

A começar pelo primeiro dia (18/10), quando será realizado o show de abertura do festival com a magnífica cantora portuguesa Teresa Salgueiro. No dia seguinte (19/10), a cantora cubana Mayra Andrade abrilhantará a noite. Os shows desses dois dias terão inicio às 21h e serão na Concha Acústica da Reitoria da referida instituição. Antes deles, ainda terão apresentações de bandas locais.


Já nos dias 20, 21 e 22 os shows serão no campus do Pici. O cantor Chico César abrirás as festas nesse campus no dia 20, apresentando um repertório vastíssimo muito ligado ao tema do evento. Já no dia seguinte, Mart'nália, Grovytown e a bateria da Unidos da Cachorra trarão o samba para os nossos pés, abalando as estruturas do Pici. Para encerrar com chave super de ouro o festival, a queridíssima cantora Céu e o cantor Otto se apresentarão no dia 22/10. Ah, ia esquecendo, os shows do Pici começarão a partir das 20h e a entrada é super gratuita.

Você não é nem louco de perder, é???!! Mas não participe somente dos shows. As Discussões vão ser bem ricas e, talvez, poderão mudar nosso modo de ver e sentir a cultura africana em nosso meio.

Mais informações no site do evento: http://www.festivalufcdecultura.ufc.br/

Muito Prazer, Eu sou o Designer

Bom, a correria está grande e o tempo está curto, mas nada que me faça deixar o blog muito tempo sem novidades.
Estou agora mesmo, estudando para uma prova e me veio a idéia de compartilhar um pouco do conhecimento que estou adquirindo. A disciplina é Introdução ao Design de Moda e a proposta dela é conhecer um pouco como se estrutura a profissão e qual a função desse profissional no mercado de trabalho.

Não sei vocês, mas já passei pela seguinte situação: uma pessoa me pergunta o que eu estudo. Então eu respondo que é Design de Moda. Ela complementa: Ah, estilismo, não é?. Pois é, mas, para quem não sabe, existe uma certa (grande) diferença entre os dois profissionais.


O Designer é o profissional que trabalha essencialmente com um projeto. Ele é responsável pelo planejamento e/ou concepção de um projeto, pelo desenho industrial ou de produto e pela programação visual do projeto. Esse profissional está ancorado nas teorias da Gestalt (que tratam das percepções visuais), da psicodinâmicaa das cores (construção de sentido/motivação), dos elementos do design e Técnicas de composição e, finalmente, da grande Semiótica ( que estuda os signos e seus significados).

Esse profissional é responsável também pelo estudo da cadeia produtiva (em confecções, calçados, móveis, etc), respondendo pela pesquisa de novos produtos, considerando as características naturais, químicas e físicas do produto, de acordo com as necessidades do mercado. Dessa forma, ele se concentra sobre a harmonia entre o estilo e a função do produto, recomendando materiais, cores, perfil e composição.


O Designer está, ainda, ligado a manipulação de percepções humanas, provocando impressões, emoções, sensações e reações. Ele é basicamente a materialização de uma idéia. Diferentemente do Estilista, que é da área da criação e transforma informações sobre comportamento, tecnologia e tendência em coleções de produtos, adaptadas às condições técnicas da empresa em que atua e ao mercado que atende.

Ajudei ou compliquei mais ainda a compreensão entre as duas profissões? Qualquer dúvida, se eu puder ajudar (claro), fique a vontade para questionar ou me pedir para acrescentar mais algumas informações no post. Abraços!

Fonte: Apostila de Introdução ao Design de Moda (Professor Ascânio W. Abrantes de Carvalho) - Curso de Design de Moda da Faculdade Católica do Céará. 2010.
Fontos: REPRODUÇÃO
0

Life Style Fortaleza


Na sua segunda edição, o Life Style Fortaleza promete potencializar negócio no Estado, com a apresentação de 14 marcas, desfilando suas coleções primavera/verão 2011. O mesmo tem a finalidade de mostrar as produções de moda comercial do Ceará, estimulando negócios entre nossos comerciantes.


Para valorizar a história do Ceará, o evento será realizado no Forte Nossa Senhora da Assunção - 10º região militar, um belíssimo lugar para chamar as pessoas a repensarem sobre nossas produções culturais e estimular o crescimento comercial do nosso Estado. A gente se encontra por lá. Abraços!

SERVIÇO:

Life Style Fortaleza
Data: 29 e 20 de setembro
Local: Forte Nossa Senhora da Assunção
Horário: 19h.

"...Seios Fartos, Filhos Fortes..."

Bom. Falar de grandes personalidades internacionais da moda é super fácil. A bibliografia é super extensa. Mas, e sobre nossas personalidades, aquelas que tiveram grande importância para nós, mas não conseguiram uma grande ascensão mundial?

Pois é, as referências são poucas. Porém a vontade de conhecê-las é bem maior do que essa barreira. Então, decidi dedicar algumas horas do meu dia para procurar saber mais sobre super mulheres que contribuíram para o fortalecimento e para a divulgação da moda no Brasil. Vamos lá??!

Madame Rosita


Considerada a grande diva da alta costura brasileira, Rosa de Libman nasceu no Uruguai, mas veio para o Brasil, onde se estabeleceu e fundou sua marca. Consquistou o mercado mundial com seu trabalho com pele de animais e sua alfaiataria requintada. Ganhou vários prêmios e foi a primeira mulher a integrar a "Chambre Sindicale de la Haute Couture Française". Conheça mais um pouco do trabalho dela clicando AQUI.

Zuzu Angel


Brasileira 'arretada', Zuzu nasceu em Curtuvelo, mudou-se para Belo Horizonte, Bahia e foi parar no Rio de Janeiro, onde viveu até sua morte. Essa mistura proporcionou à ela um grande enriquecimento, o que favoreceu na criação de looks com a cara do Brasil. Foi pioneira ao adentrar a moda noirte-americana em um momento em que a as produções européias eram super valorizadas e as latino-americanas eram consideradas vulgares e sem conteúdo. Mas, para mim, o grande ensinamento que Zuzu viria a deixar para a moda e para as mulheres brasileiras era que elas não deveriam cruzar os braços, deveriam correr atrás do seus sonhos. Foi super bacana seu trabalho de valorização da arte e do folclore brasileiro. Há que se destacar seu papel na luta política em que seu filho (Stuart Angel) estava inserido. Enfim, poucas serão as palavras para descrever a importância dela para a moda de nosso país.

D. Mena Fiala.


A decana da moda desse país, Philomena Pagani Serelle (1908-2001) sempre se preocupou em divulgar a moda brasileira e em valorizar a mã-de-obra daqui. Desde muito cedo dedicou-se aos trabalhos com vestuário, primeiramente junto com a família e, depois, a frete da casa Canadá, loja de peles mais renomada do país, onde iria trabalhar por 35 anos. Inovou ao fazer apresentações com modelos vivos e fazer prévias de suas coleções para a imprensa, a exemplo dos costumes franceses. Saiba mais sobre ela AQUI.

Depois continuarei minhas pesquisas e falarei sobre mais personalidades brasileiras importantes para o fortalecimento de nossa moda. Por enquanto é isso. Abraços!

Fonte: UolModaBRasil
0

Raquel Zimmermann como Veio ao Mundo

Como diz um amigo meu: "-Vai te vestir mulher". Isso mesmo, porque dessa vez o negócio foi mais sério. Sempre falo aqui do teor meio pornográfico de alguns editoriais, mas longe de mim querer tornar esse espaço reservado para maiores de dezoito anos. Mas o fato que moda também é arte e a liberdade poética está ai para isso mesmo. (Não se escandalizem e nem deixem de visitar o M&P por causa disso). srsrsrrsrsrsrsr

O fato é que a nossa queridíssima Raquel Zimmermann está novamente 'pelada, pelada, nua com com a mão no bolso'. Aliás séria muito útil se tivesse um bolso para ela cobrir pelo menos uma das mãos. O trabalho é dos fotógrafos Inez&Vinoodh para a revista Purple Fashion, sendo que o stylist (que deve ter trabalhado pouquíssimo) foi o George Cortina.


Eu adorei demais as fotos (lógico!). E já acho que essa idéia tem que ser copiada por algumas outra tops brasileiras. Que acham? Enfim, quem gostou pode conferir outras fotos (com uma nitidez maior em algumas partes do corpo dela) AQUI. #ficaadica.

Fonte: FGR

0

Para começar bem a Semana

Bom dia meus queridos leitores. Mais uma semana inicia-se parecendo que vai dar um pouco de trabalho. Nada que uma dedicaçãozinha a mais e menos posts diários não ajudem a cumprir a agenda lotada.

Queria, hoje, deixar duas dicas da blogosfera bacanas para vocês. A primeira é um espaço super legal reservado à História da Arte e ao Desenho Artístico. Sim, isso mesmo, nesse BLOG você tem dicas de pintura, ilustração, etc., além de ter conteúdos consistentes sobre história, o que é de fundamental importância para quem trabalha com moda. Para se ter noção, eu não compro mais as xerox que o professor manda. Peguei um livro na biblioteca da faculdade e estou complementando os assuntos com a ajuda de Juli Rossi. Vale a pena dar uma passadinha lá e conferir a proposta do blog.


A segunda dica, trata-se do blog Cinema e Cultura. Quem aqui gosta de Cinema antigo e brasileiro?! Pois é, nele eu estou conseguindo fazer download de muitos longas interessantes. Reservado para filmes antigos, esse espaço é bem legal para quem quer estudar indumentária e figurino.


Espero que vocês gostem das dicas. Dêem uma passadinha por eles e depois me contem o que acharam, ok??!! Abraços e boa segunda-feira!

3

90 anos de Vogue FR.

Se lembram que ontem eu postei a capa da edição de aniversário da Vogue francesa? Pois é, hoje foram divulgadas as fotos do editorial com a Lara Stone, Crystal Renn, Freja Beja e Mariacarla Boscono. O editorial, chamado Bal Masqué, está divinamente perfeito. Mais uma vez, Mert Alas e Marcus Piggott acertam nas fotos e nos levam para um outro mundo. O stylist ficou por conta de Carine Roitfeld e os looks são assinados por Chanel, Givenchy, Altuzarra, dentre tanto outros. Veja:






Fonte: FGR
0

Feminilidade Ameaçada?

Acabei de ver aqui uma reportagem sobre a queda de uma modelo na passarela da Semana de Moda de Londres. Seria só mais uma queda, dentre tantas outras, se associações, médicos e etc. não estivessem agindo com repudio em relação ao acontecido. Isso mesmo, mais uma briga entre o mundo da moda e as organizações mundiais de saúde. Mas, qual o porque dessa briga, você já sabe?


Bem, segundo os especialistas, como se pôde ver no vídeo acima, o uso constante de salto alto pode causar deformações nos pés, além de ser prejudicial à saúde da coluna. Mulheres que vivem sobre saltos também tem muita predisposição a ter dores de cabeça.


Pois é, isso tudo faz geral muitas outras discussões, não acha? Por exemplo, se viajarmos na nossa história, poderemos observar que ao passar do tempo a mulher vem sofrendo muitas modificações (e/ou deformações) para se enquadrar e manter a sua feminilidade. Fato é que na China, meninas de 6 anos de idade tinham seus pés atados, atrapalhando o seu desenvolvimento normal. Essa ação visava a beleza dos pés femininos, mas no futuro causaca grandes deformações, infecções, atrofiamento muscular e paralisias.

O espartilho, do qual eu já falei aqui, é um grande exemplo também disso tudo. Surgido por volta do século XVI, ele tinha como objetivo manter a postura e dar suporte aos seios, deixando as formas femininas mais realçadas. Seu uso causou, e ainda pode causar, atrofia muscular, insuficiência respiratória e deformações do estômago e do fígado.

Sem contar nas argolas que as mulheres de uma parte da da África e da Ásia usam para se tornar mais belas, deformando-as e tornado-as dependentes de seus companheiros.

Mas, ainda com tudo isso bem claro, não se pode negar que o salto alto deixa a mulher mais elegante e feminina, não é? E esse elemento do vestuário vem sendo usado desde épocas bem remotas. Sabe-se que em tumbas egípcias que data de 1000 a.C foram encontrados os primeiros modelos de sapatos. Ele também foi adimirado por alguns gregos, usado para indicar a posição social de alguns indivíduos.


Além disso, a história do salto demonstra que ele está intimamente ligado a sexualidade. Um exemplo marcante disso diz respeito as cortesãs japonesas que usavam tamancos com salto de 15 à 30 cm. Outro exemplo disso é que na Roma antiga as prostitutas eram identificadas pelo salto que usavam.


Longe de mim querer aqui continuar essa discussão histórica. Isso é assunto para alguns outros posts. O fato é que o salto é sim prejudicial a saúde, mas as mulheres não deixam e nem deixarão de usá-lo (na minha opinião, claro), pois eles aumentam sua auto-estima e lhes dão mais segurança. Seria uma queda num passarela o motivo pelo abandono dessa peça? Eu, sinceramente, creio que não. Tantas outras quedas já foram registradas, umas até pior do que essa em Londres, e nada mudou. O que pode, e deve ser feito, é que as mulheres se conscientizem dos prejuízos do uso constante e prolongado do salto e que façam dessa peça não uma inimiga, mas uma aliada na busca e afirmação da sua feminilidade e, porque não dizer, do seu poder.

E vocês, o que acham? Vão continuar usando salto normalmente ou terão mais atenção quando forem utilizá-lo? Abraços!

2

Les subversifs

Subversão, palavra bonitinha, falada aos quatro cantos do mundo e que tem feito parte do imaginário social há muito tempo. Para quem não sabe, subversão significa uma revolta, um transtorno, principalmente no sentido moral, uma desobediência civil, etc.

Sabendo disso, me fiz a seguinte pergunta: e na moda, ocorreu e ocorre subversão? Mesmo sendo uma pergunta meio óbvia, eu resolvi pesquisar como essa ação ajuda no processo criativo e na forma de ser de alguns dos grandes mestres da moda. Então, me ocorreram os seguintes nomes, que agiram contra seu sistema e revolucionaram na forma de vestir das pessoas ao seu redor.

Paul Poiret


Grande mestre da moda. Foi ele que deu os primeiros passos para a construção da moda como a conhecemos hoje, liberando a mulher do espartilho. Em vez desse acessório, ele propôs a utilização de saias de cintura alta estruturada com barbatana, o que deu mais leveza e movimentação ao look feminino. Também foi um visionário na construção de roupas com drapeados.

Chanel


Mãe da androgenia. Com certeza, tudo o que eu falar sobre ela aqui será pouco. Chanel revolucionou ao criar uma moda onde as mulheres pudessem se firmar como pessoa gerente de seu próprio destino, saindo da mesmice e da vida das 'dondocas' Amélias do passado

Elsa Schiaparelli


Revolucionou trazendo as artes plásticas para a moda. Para isso, usou muito do trabalho de Salvador Dali, bem como outras trabalhos do movimento cubista e surrealista, influenciando demasiadamente suas criações. Foi pioneira no desenvolvimento de tecidos com estampa de jornais, o que viria a influenciar notadamente outros artistas.

Yves Saint Laurent


O pequeno príncipe da costura foi o criador do conhecidíssimo vestido Safári e do smoking feminino, que arrematou o trabalho iniciado por Chanel na luta pela liberdade feminina, representando uma mulher com novas atitudes

Jean Paul Gautier


Excêntrico, criou vários looks para filmes e para grandes personalidades, como a Madonna. Inovou colocando na passarela modelos fora do padrão, idosos, gordas, modelos usando tatuagens, piercings, etc.

Vivienne Westwood


Excêntrica, irreverente e provocadora. Essas são as principais características da grande Vivienne. É ótima na criação de roupas de cunho político e social. O erótico também sempre permeia suas criações. Mescla temas joviais com elementos mais tradicionais, como, por exmeplo, o espartilho.

Alexander Mcqueen


Outra personalidade que eu sou super suspeito para falar. Sou abertamente mega fã do Alexander, pela sua maestria na construção de looks conceituais que fogem totalmente da realidade, adotando a subjetividade como grande parceira na composição das peças. É difícil não se emocionar vendo um desfile dele, pois viamos demasiadamente seus sentimentos, seus medos e seus anseios nas suas criações. o Bad Boy da moda fará, com certeza, muita falta.


Bom, com certeza muitos outros estilistas agiram de forma subversiva, criticando, protestando e tentando mudar seu contexto social. Esses são alguns dos que eu mais gosto e que, na minha opnião, servem de reverência para quem quer estudar moda de uma forma, como supracitei, menos "dodonquinha". Espero que esse breve resumo lhes seja útil e que vocês, dentro das suas possibilidades, possam usar a moda também como objeto de transformação sócio-cultural. Abraços.

Imagens: Reprodução

0

Photo Du Jour

Estou aqui simplesmente babando com a capa da Vogue francesa do mês de outubro. Detalhe, essa é a edição especial de aniversário dos 90 anos da revista. A modelo? Somente a linda e maravilhosa Lara Stone, que, por sinal, eu adoro demais. O fotógrafo? Mert&Marcus, que trabalha super bem e que eu sempre cito aqui no blog.


Super ansioso para ver esse trabalho. Bom final de semana para tod@s. Abraços!

Fonte: FGR

0

As flores do Jardim da Nossa Casa

Hoje, fiquei com um tempo meio ocioso no trabalho e resolvi ouvir música e desenhar. O resultado? Isso que vocês estão vendo ai. Uma pequena homenagem a primavera que chega, mesmo ela não se fazendo presente verdadeiramente na vida do cearense (enfim, o que vale é a intenção.)


Foi só eu que achei ou ela está a cara da androgenia? Diz o pessoal da faculdade que ela está a cara do travestir. Tive que concordar. Abraços!
0

Primavera

Primavera, estação do ano que vem após o inverno e antecede o verão. Iniciada no hemisfério sul no solstício de setembro, vai até dezembro, mais ou menos até o dia 21. Tipicamente associada ao florescimento e a multiplicação da vida, a primavera é bem colorida e divertida. Isso, lógico, é transmitido para a nossa moda, onde as criações aparecem mais leves, com cores vibrantes e alegres.

Carl Larsson



Aproveite essa estação. Dê asas ao seus dons criativos e seja feliz. Abraços!

0

Photoshopando

Enquanto o Corel me dá uma surra, o Photoshop já vai muito mais com a minha cara, isso é fato. Ontem, aproveitei que fiz umas coisas do estágio rapidinhas e resolvi dá uma treinadinha rápida no programa. E deu isso ai. Esse foi um dos primeiros desenhos que eu fiz na disciplina de Desenho de Moda, ainda respeitando uma proporção padronizada e uma posição também que foi pedida pela professora. Detesto esse tipo de desenho. Nunca consigo fazer um com suas 09 cabeças sem que ele fique meio que parecido com um E.T. Prefiro trabalhar à mão livre, pois fico mais a vontade, mesmo deixando as modelos meio com jeito de contorcionistas.

Emfim, espero que gostem. A técnica é bem rudimentar. Primeiro fiz o desenho com gráfite, depois conbri com caneta uni-pin o.1 e colori com lápis de cor normal. Depois disso, peguei esse velho fundo na internet e fiz a montagem no Photoshop. Ah, resolvi não nomeá-la, mas ela está a cara da Piriguete, né?!!! Abraços!

0

Bekah Jenkins por Chloe Crespi

Essas bem que poderiam ter sido as fotos do dia, pela modelo e pela perfeição das imagens. Mas, enfim, não foram. Trata-se da campanha primavera-verão da Rebbeca Minkoff. As fotos são de Chloe Crespi e o stylist é de Britt Bardo.






Fonte: FGR
0

Photos Du Jour

O post das fotos do dia fica por conta de um trabalho super bacana com a modelo Ashane Rose, da agência Next, do fotografo Ross Shields.



Linda, não?! Abraços!

Fonte: FGR
0

Festival Canta Ceará

Galerinha,
vocês se lembram do Festival Canta Ceará? Aquele que iniciou com um super show da Ana Canãs na Praça Verde do Dragão do Mar? Isso, esse mesmo. Pois é, esse sábado, dia 25, vai rolar o encerramento dele.


Depois de rodar o estado com as seletivas, chega o momento de escolher as melhores bandas que passaram por cada uma das etapas, em cada município visitado. Ou seja, ótimas bandas estarão presentes nesse dia e uma delas será eleita a the best do festival, sendo que a mesma vai ganhar, como prêmio, uma quantia em dinheiro e o direito de apresentar-se no Ceará Music. E, para arrematar o evento, nada mais nada menos que Arnaldo Antunes se fará presente. Isso mesmo, acabei de confirmar na agenda dele.


Ou seja, ótima dica para o nosso final de semana. Vai perder? Se eu fosse você, eu daria o jeito de dá uma passada lá na Praça Verde. Mais informações no SITE do evento. Abraços!
Back to Top